Notícias

Com 21.588 hóspedes em 2019 Governo, por meio da Casa de Apoio, atendeu pessoas de outros estados e até de outros países

07/01/2020 - Cláudio Duarte/Governo do Tocantins; Fotos: Leandro Pinheiro

Localizada a cerca de 200 metros do Hospital Geral de Palmas (HGP) e com uma estrutura física composta de mais de 100 leitos equipados com beliches, cozinha, brinquedoteca, sala interdisciplinar, parquinho, área de convivência social e capela, a Casa de Apoio Vera Lúcia Pagani proporciona gratuitamente hospedagem com conforto e segurança aos acompanhantes e pacientes internados nos hospitais públicos de Palmas.

Os hóspedes são selecionados e encaminhados pelas assistentes sociais dos referidos hospitais, e esse atendimento é direcionado a pessoas que não têm onde ficar, nem condições financeiras de pagar uma hospedagem, como Frederico Gonçalves de Almeida, 37 anos, que é morador de Dianópolis, e chegou à Casa de Apoio há cinco dias com a esposa que aguarda uma cirurgia no HGP. Ele não sabia da existência da Casa, mas foi informado pela assistente social do hospital. Para ele, a informação chegou quando mais precisava. “Este lugar é muito importante; a pessoa quando está cuidando da saúde precisa de acolhimento, e a Casa de Apoio nos acolheu no momento certo. Aqui temos refeições boas e os servidores são atenciosos e têm nos tratado com muita atenção”, disse ele.

Somente em 2019 foram 21.588 pessoas hospedadas; destes, 74 vieram de outros estados e sete vieram de outros países. Foram fornecidos também 17.081 almoços e 19.072 jantares aos hóspedes da Casa.

Moradora de Gurupi, Aparecida Afonso Ferreira, também não sabia que em Palmas havia a oferta de uma Casa de Apoio com hospedagem e refeições gratuitas. Ela acompanha o esposo que está em tratamento, e disse que não teria outro lugar para ficar. “Este lugar é uma bênção; aqui somos bem tratados e recebemos muita atenção das pessoas da Casa; isso é bom, porque a gente não se sente sozinha. O Governo de nosso estado acerta quando possibilita um ponto de apoio tão importante para quem precisa cuidar da saúde e não tem onde ficar”, afirmou ela.

Norberto Correia da Silva, 68 anos, morador de Itapiratins, faz tratamento com radioterapia e já está hospedado na Casa de Apoio há cerca de dois meses. “Fiquei muito feliz quando me falaram que havia este local para hospedagem gratuita, e quando cheguei fui muito bem recebido aqui. Procuro seguir as normas da Casa, me relacionar com todos e respeitar as pessoas que também estão aqui. E a presença do secretário aqui mostra que ele está realmente com atenção a esta Casa”, ressaltou ele.

Norberto se refere ao gestor da Secretaria Estadual do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), Messias Araújo, que esteve na manhã desta segunda-feira, 6, em mais uma visita à instituição para desejar aos hóspedes e servidores um ano novo de muitas bênçãos. Na ocasião o secretário afirmou que a Casa de Apoio continuará amparando a todos que dela precisarem. “O Governo do Tocantins tem o olhar focado nesta instituição que recebe pessoas em tratamento de saúde ou que está acompanhando algum parente enfermo, e quase sempre não teria outro lugar para se hospedar. Este ano atendemos mais de 21 mil pessoas e muitas delas vieram de outros estados e inclusive de outros países; isso demonstra a importância deste acolhimento”, enfatizou.

A Casa de Apoio promove também orientação psicológica qualificada, pedagógica, assistência social e um cronograma diversificado de atividades, como realização de palestras, atividades religiosas, contação de histórias e até minicursos de crochê e bombons artesanais, como um meio de oportunizar qualificação aos internos durante o tempo de hospedagem.

A Casa de Apoio recebe doações e ações voluntárias de amparo emocional e espiritual para seus hóspedes. Algumas das necessidades constantes dos usuários são roupas, calçados fechados (exigência dos hospitais), itens de higiene pessoal, e alimentação complementar. Os interessados em conhecer a Casa e se tornarem parceiros podem entrar em contato pelo telefone (63) 3218-2465.

Compartilhe esta notícia